LEER

livro inventario deops 09 gr

Autora: Marcia Yumi Takeuchi
Coleção: Inventário DEOPS
Módulo: III - Japoneses
Editora: Arquivo do Estado e Imprensa Oficial
Ano: 2002
Preço: R$ 17,00
Resumo: Com o objetivo de estudar a repressão aos japoneses e seus descendentes durante a Segunda Guerra Mundial, buscamos inventariar a documentação referente ao tema do acervo DEOPS/SP. Através da análise do discurso policial é possível resgatarmos a história dos componentes desta colônia que foram, de forma generalizada, considerados "inimigos da Pátria". Os imigrantes de origem nipónica são apresentados em toda a sua alteridade, a partir da qual, sob a inspiração dos nacionalismos étnicos, as diferenças são transformadas em signos do indesejável: primeiro, pelas doutrinas racistas então em voga; segundo, por tratar-se de um grupo étnico demasiadamente diferente, nem totalmente branco, nem europeu; terceiro, por se expressarem num idioma que em nada se assemelhava as lí­nguas conhecidas pelos homens letrados; por último, pela sua cumplicidade, segundo as suspeitas da polí­cia polí­tica, de tramas sinistras e pactos secretos em favor dos interesses do Império Japonês.
Sobre a autora: Marcia Yumi Takeuchi é natural da cidade de São Paulo. É mestre e doutoranda em História pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade de São Paulo. Integra como pesquisadora o PROIN (Projeto Integrado Arquivo/Universidade) e o LEER/USP (Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação). Atualmente desenvolve tese de doutoramento sobre a questão imigratória japonesa a partir da documentação diplomática e dos periódicos editados entre 1889 e 1954, sob orientação da Profa. Maria Luiza Tucci Carneiro. Essa pesquisa, desde julho de 2006, é financiada pela FAPESP (Fundação de Apoio à Pesquisa do Estados de São Paulo). Também é autora do livro Japoneses: a saga do povo do Sol Nascente.
Sobre a coleção: A Série Inventário DEOPS foi criada em 1996 como um instrumento de apoio aos pesquisadores interessados em consultar o acervo da Polícia Política do Estado de São Paulo, sob a guarda do Arquivo do Estado: os prontuários do FUNDO DEOPS.
Os projetos executados com base nas fontes arquivadas junto a Série Prontuários DEOPS, têm como foco a intolerância étnica e política praticada pelo Estado republicano entre 1924 -1983. Assim, a Série Inventário DEOPS pode ser considerada como produto dessa proposta acadêmica que tem sua continuidade na produção de teses de doutorado e dissertações de Mestrado em História Social. Parte destes estudos – fundamentados nos arquivos policiais e diplomáticos – foram publicados em diferentes coleções a saber: Teses & Dissertações (Arquivo do Estado e IMESP), Histórias da Intolerância (LEI; Associação Editorial Humanitas), Intolerância Política (Editora Lazuli) e Histórias da Repressão e da Intolerância (Associação Humanitas Editorial; FAPESP e Imprensa Oficial). 

A Série Inventários DEOPS encontra-se organizada em módulos temáticos cujos títulos reproduzem os "rótulos" arquivísticos empregados pela própria Polícia Política. Este conjunto de informações compõe o Banco de Dados PROIN/DEOPS, que, enquanto produto do Projeto Temático FAPESP, cumpre com o seu objetivo principal: proporcionar novos conhecimentos para a escrita da História Política do Brasil Contemporâneo. 

Nossa proposta continua aberta aos novos segmentos de pesquisa relacionados à história dos impressos políticos clandestinos, das mulheres "hereges", das comunidades de estrangeiros radicados no Brasil, dos movimentos negros e feministas, etc. Enfim, esta série nos permite repensar a dinâmica dos órgãos de repressão que, através de seus registros, nos oferecem oportunidades para a reconstituição de uma história de anônimos.

 

faceflickryoutube

Copyright © 2013 - LEER - FFLCH/USP.

Desenvolvido por webprisma