LEER

brasil-refugio-tropicos-alta

Organizadores: Maria Luiza Tucci Carneiro, Dieter Strauss
Editora: Estação Liberdade
Ano: 1996
Resumo: A partir dos anos 20 deste século, a Europa, mal refeita da Primeira Guerra Mundial e enfrentando graves dificuldades econômicas, ingressaria num período de convulsões extremas e de irracionalismo exacerbado que atingiria seu paroxismo com a instauração de um programa político prevendo a segregação, o confinamento e mesmo o aniquilamento premeditado de parcelas inteiras da população em países de tradições humanistas e culturais como a Alemanha, a Áustria e a Itália.
O objetivo deste livro e da exposição que lhe deu ensejo, está, portanto, em tornarmos pública – inclusive através dos documentos sigilosos do período Getúlio Vargas – a posição do Brasil e de tantos outros países frente a esta infindável série de tragédias pessoais e coletivas, e que dizem muitíssimo respeito à faculdade do ser humano de se organizar em sociedade. Para tano, torna-se imprescindível construirmos o conhecimento histórico e alertar as gerações presentes sobre o perigo e as consequências das doutrinas racistas e totalitárias.
Sobre os organizadores: Maria Luiza Tucci Carneiro é historiadora, graduada e pós-graduada em História pela Universidade de São Paulo. Tanto no Mestrado como no Doutorado tem o racismo e ao antissemitismo como objeto de estudo, ambos publicados no formato livro. Em 2001 apresentou sua Tese de Livre Docência intitulada Cidadão do Mundo: O Brasil diante da questão dos refugiados judeus, 1933-1948. Atualmente é professora Livre Docente dos seguintes programas de Pós-Graduação da Universidade de São Paulo: História Social do Departamento de História/FFLCH; Língua Hebraica, Literatura e Cultura Judaicas do Departamento de Letras Orientais/FFLCH; e Direitos Humanos da Faculdade Direito São Francisco. Coordenadora do LEER- Laboratório de Estudos sobre Etnicidade, Racismo e Discriminação/USP, do Departamento de História/USP.
Dieter Strauss nasceu em Neurode (Silésia, hoje Polônia). Formou-se em História e Estudos alemães. Trabalhou por quatro anos como professor assistente na Universidade de Bonn e em 1974 ingressou no Goethe Institut, por conta de quem trabalhou na Holanda, Indonésia, França, Chile. Foi diretor do Instituto Goethe de São Paulo. Publicou diversos livros e ensaios sobre o ensino da língua alemã para estrangeiros e sobre a história cultural alemã.

 

faceflickryoutube

Copyright © 2013 - LEER - FFLCH/USP.

Desenvolvido por webprisma